sexta-feira, 17 de junho de 2011

Pudim de Pão

O Bodo é uma festa ao Senhor Espírito Santo que é uma tradição da minha ilha e que é vivida todos os anos com muita convicção. No sábado do Bodo é distribuído carne, pão e vinho pelas casas das pessoas que assim o desejaram, sim porque damos uma pequena contribuição para que o povo assim continue com essa tradição,  para mais informação ver aqui .
Com isso quero dizer que também recebi uma bela esmola que era constituída por 2 pães, 5 kg de carne de vaca e 1 litro de vinho de cheiro. Fiquei muito contente com a atribuição.
Como foi tudo em excesso e nada de estraga, com o pão fiz pão barrado com manteiga e alho no forno para acompanhar uns camarões assados (que me esqueci de fotografar) que servi num jantar e ainda fiz pão ralado aromatizado para congelar e ainda deu para fazer esse delicioso pudim de pão. Esse pudim de pão foi feito um bocadinho a olho, pois era um pudim que minha mãe fazia sempre que tinha pão duro e deitava quase tudo a olho.
Lembrei-me do sabor do pudim e deitei mãos à obra. Digo que ficou igualzinho ao que minha mãe fazia só adicionei as passas porque gosto da combinação.



Ingredientes:

Miolo de um pão branco (nessse caso foi o pão do Bodo)
Leite a ferver +/- 500 ml
4 ovos
2 c. de sopa de manteiga vegetal
4 c. de sopa de açucar mascavado
1 c. de sopa de Original Syrup
150 g de côco ralado
2 . de sopa de cacau amargo
1 c. de chá de canela
Raspa de 1 limão
1 . de chá de fermento Royal
Passas a gosto

Fiz assim:

Miguei o miolo do pão para uma tigela. Entretanto coloquei o leite ao lume para levantar fervura. Deitei por cima do pão para o amolecer. Deixei arrefecer um pouco e com a ajuda de uma colher desfiz o pão até ficar uma massa pegajosa. Adicionei a manteiga e misturei na mistura.
À parte bati bem os ovos com o açucar usei a Bimby 4 min. Vel. 4. Adicionei os ovos à mistura do pão aos poucos com cuidado para não talhar. Juntei os restantes ingredientes menos o fermento e bati bem com a ajuda da colher uso uma grande de plástico.
Nisto já com o forno quente, forrei um pirex quadrado com uma folha de papel vegetal com óleo em spray e açúcar branco.
Adicionei o fermento à massa do pudim e recheei o pirex com essa mistura.
Levei ao forno a assar +/- por 40 minutos até espetar o palito e a massa não agarrar, mas estando húmida.

Servi ainda quente com uma bola de gelado, mas é um pudim que no dia seguinte ainda está melhor.
Coitado não resistiu aos ataques das visitas!lol

Espero que gostem da sugestão.

Um bom fim-de-semana para todos.

Beijinhos

19 comentários:

  1. simplesmente fiquei sem palavras amiga mas que maravilha esta...bjokinass

    ResponderEliminar
  2. Nunca fiz ou comi pudim de pão, mas o teu ficou com um aspecto diferente dos habituais que tenho visto, mas igualmente tentador...

    Bjs.

    ResponderEliminar
  3. FICOU UM PUDIM COM UM ASPECTO EXCELENTE.
    BOM FIM DE SEMANA
    BJS

    ResponderEliminar
  4. Ahhhh o famoso pudim! Olha lá mas isso não fica um bocado massudo?? Mas olhando bem para ele até digo mais, tem ar de brownie. Beijinhos, ando de volta do forno :)

    ResponderEliminar
  5. Ficou com muito bom aspecto amiga!! Bem bom!!
    Beijinhos doces.

    ResponderEliminar
  6. Olá amiga

    A minha mãe tambem fazia muitas vezes. e era tudo a olho, antigamente as nossas mães não tinham acesso a receitas como nós temos hoje em dia e tudo era delicioso, mas o tempo não volta atrás.

    bjs.

    http://pimentinhasnacozinha.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  7. Provei pudim de pão somente uma vez, mas te garanto que o teu deve ser bem melhor, que bom aspecto, deve ter ficado uma delicia :))
    Beijinho e bom fim de semana!

    ResponderEliminar
  8. Tem uma consistência excelente.
    Bjs

    ResponderEliminar
  9. tenho um tia na ilha do Faial que faz uma receita muito idêntica à da tua mãe. Só não leva côco nem passas. Ela adiciona melaço e figos passados moídos. Garanto-te que fica um sonho como o teu também deve ter ficado.
    Um beijinho
    Patrícia

    ResponderEliminar
  10. Obrigada a todas pelos comentários.

    Bichinha, esse pudim não fica massudo como parece, tem uma consistência mais firme que um pudim cozido em banho maria e não é tipo brownie porque é mais húmido.

    O que posso dizer mais... experimentem para tirarem as conclusões. O pior é que depois de o fazerem e comerem nunca mais irão esquecer.
    Então se forem amantes de côco como eu... não preciso dizer mais nada.

    Beijinhos a todos que por cá passam e votos de um bom fim-de-semana.

    ResponderEliminar
  11. Susana,lembro-me quando era crianca a minha mae fazia um pudim de pao que era maravilhoso,nao sei como era a receita mas vou seguir a tua porque adoro tudo que leva coco e passas por isso esse pudim deve ser uma maravilha,ficou com uma aparencia fantastica!
    beijinhos

    ResponderEliminar
  12. humm eu adoro sou fan o teu esta hummmm beijinhos

    ResponderEliminar
  13. A julgar pelo aspecto só posso constactar que é uma delicia. Gostei dos ingredientes e da consistência, de pudim compacto como eu gosto
    Um beijinho e bom domingo

    ResponderEliminar
  14. Já não vinha cá há imenso tempo! Tenho de te dar os parabéns, pois o teu blog está muito mais bonito, nota-se nitidamente a evolução. A qualidade das fotos está fabulosa também.

    Apetece-me dizer que comia TÃO BEM uma fatia desse pudim de pão, mas estou outra vez de dieta hehe


    Beijinhos

    ResponderEliminar
  15. Manuela, obrigada pela visita e comentário delicioso ao meu cantinhos, realmente já tinha sentido a tua falta.
    Desejo-te muita força para conseguires o teu objetivo e podes passa mais vezes por cá porque até tenho uma receitinhas bem leves para a tua dieta!lol

    Beijinhos a todas

    ResponderEliminar
  16. Susana, antes de mais deixa-me dar-te os parabéns pelo teu blog. Partilho também do gosto pela culinária.
    Gostava de fazer este teu pudim de pão.
    Fiquei com uma dúvida, qual é o tamanho do pão? Agradeço imenso se me puderes ajudar.

    Bjs,

    Lídia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Lídia, obrigada pelo simpático comentário.
      Esse pudim não tem propriamente medidas exatas. O pão que usei era grande +/- 30 cm. Quando deitamos o leite a ferver por cima do pão ele tem que ficar bem húmido, mas não aguado. Quando o começares a desfazer com as mãos ou colher de pau vez a consistencia e se necessário deita-se mais leite. No final a massa tem que ficar um pouco pegajosa e maçuda.
      Espero ter ajudado. Se tudo correr bem fica com um delicioso pudim :)

      Beijinhos e volte sempre.

      Eliminar

A sua opinião é importante, por isso não a deixe de partilhar :)