segunda-feira, 2 de abril de 2012

Cavala recheada com alheira de bacalhau e espinafres da nossa horta


Domingo, significado de calma. É quando tenho tempo para saborear todos os momentos. É quando tenho tempo de preparar uma deliciosa refeição completa com muito carinho, desde a entrada à sobremesa. É quando tenho tempo para colher umas flores do jardim e enfeitar a jarra. É quando tenho tempo de namorar a nossa horta e ver o que se pode colher e levar para preparar o almoço. É quando sinto uma paz interior. Consequentemente é quando a inspiração me invade e sai da minha cozinha pratos que até por vezes eu fico deslumbrada. Foi o caso dessas cavalas que depois de terem tido várias opções para a sua confeção, quem ditou o resultado final foram os ingredientes que havia no frigorífico e os produtos da horta.
Só digo que fiquei surpreendida com o resultado final, positivamente, claro! 






Ingredientes:

2 cavalas escaladas
Raspa de 1 limão
Sal marinho q.b.
Vinagre branco q.b.

Recheio:

1 e 1/2 cebola grande picada
4 ramas de cebolinha cortada às rodelas
2 dentes de alho picados
Azeite q.b.
2 cenouras raladas
1 punhado de folhas de espinafres frescos (da minha horta :)
2 alheiras de bacalhau
1/2 embalagem de queijo creme (tipo filadélfia)
Açafroa q.b.
Pimenta 5 bagas moídas na hora q.b.

Para a montagem:

1 embalagem de bacon fatiado
Pimentão doce em pó q.b.
1 courgette cortada às rodelas com casca
1 pimento vermelho cortado às tiras
2 cebolas cortadas aos quartos
Azeite q.b.
Vinagre branco q.b.
Fio de seda de cozinha para atar




Fiz assim:

Na peixaria pedi para retirarem a espinha central às cavalas (escalar). Em casa lavei-as em água corrente para limpar de sangues e sequei-as com papel de cozinha. Num tabuleiro deitei-as de barrigas para cima e temperei-as com as raspas do limão, uns pingos de vinagre e sal marinho. Deixei a tomar gosto.
Entretanto, deitei as cebolinhas cortadas às rodelinhas, a cebolas e os dentes picados numa frigideira alta com um fio de azeite. Em lume brando deixei amolecer. Adicionei a cenoura ralada, as folhas de espinafres, envolvi bem, tapei  e deixei suar durante uns minutos. Retirei as peles às alheiras e juntei ao estufado envolvendo sempre com a colher até ficar tudo bem misturado. Temperei com sal marinho, açafroa e pimenta. Juntei o queijo e envolvi bem, reservei.
Comecei a montar. Numa tábua de cozinha dispus 4 fios de seda de cozinha paralelamente com uma distância entre si de uns 3 cm. Por cima deitei uma cavala com a pele sobre o fio. Deitei o recheio por cima apertando com a ajuda da colher. Por cima deitei a outra cavala com a pela para cima. Forrei a cavala com fatias de bacon (cortei a pele dura). Atei com os fios e deitei numa assadeira untada com azeite. À volta deitei os legumes, temperei de pimentão doce, salpiquei com vinagre branco e azeite e levei ao forno a assar. Quando os legumes apresentarem estar cozidos e o bacon rosado está pronto a servi. No meu forno levou à volta de 1 hora. Cuidado para não deixar secar muito, pois a cavala já de si é um peixe seco.

Servi com arroz de favas da minha horta e os legumes assados :)  

Espero que gostem da sugestão.

Uma boa semana ara todos :)

Beijinhos


28 comentários:

  1. Hummmm.... ficou luito apetitoso o aspecto faz salivar!

    Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Beth, realmente ficou deliciosa ;)

      Beijinhos

      Eliminar
  2. Apesar de não apreciar cavalas confesso que adorei o resultado final que tem um aspecto delicioso.Nunca provei alheira de bacalhau mas vou estar atenta e ver se encontro!

    Bjoka
    Rita

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ana Rita, a cavala não é dos peixes mais saborosos, mas assim recheada com a alheira e os legumes ficou fenomenal. Encontras a alheira no continente na zona dos enchidos.

      Beijinhos

      Eliminar
  3. Que aspecto tão bom Susaninha, adorei a sugestão e levo a receita comigo

    beijinhos e boa semana!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Mariana, podes levar a receita sim senhora, e se fizeres um dia quero saber o que achás-te! ;)

      Beijinhos

      Eliminar
  4. Adorei, até porque sou fã de cavala. Fresca, em lata (das pequeninas) enfim, qualquer forma de cozinhar cavala é sempre boa :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Ondina, se és fã de cavala então vais adorar essa receita. É deliciosa! ;)

      Beijinhos

      Eliminar
  5. Cavala não é um peixe muito popular lá em casa, mas sempre que vejo uma receita com este peixe tento-me em ultrapassar essa impopularidade. Gostei muito do aspecto, Susana, vou estar atenta à bancada da peixaria para quando aprecer uma cavala jeitosa para experimentar assim desta maneira.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Carla, a cavala é um peixe seco, mas se for confessionado dessa forma nem se nota. O recheio foi o rei desse prato. E se conseguires encontrar, compra nem que seja só uma e fazes metade da receita :) Depois diz alguma coisa :)

      Beijinhos

      Eliminar
  6. Susana,
    Ai que delicia que ficou essa refeição amiga... Ao tempo que não como uma cavala. Gostei muito do resultado final as flores são lindas : )

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Catarina, acredito que por aé seja mais dificil encontrar cavalas frescas. Na falta pode ser que encontres congeladas, o que não é a mesma coisa claro! mas dá para matar o desconsolo ;)

      Beijinhos

      Eliminar
  7. Minha flor, eu adoro cavalas, mas nunca vi umas tão grandes, isso é bicho para que peso? E nem sabia que havia alheiras de bacalhau! Que boas devem ser! Adorei esta sugestão .
    Bjs e boa semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Ana, eram 2 cavalas com 800g cada. Aqui é muito comum encontrarmos destas por essa altura do ano. Também existem das pequenas, mas prefiro grandes o sabor é bem mais agradável ;) E as alheiras encontro-as no hipermercado na zona dos enchidos. Descobri essa variedade à pouco tempo e agradou-me bastante :) Aí também deves encontrar!

      Obrigada pelas palavras :)

      Beijinhos

      Eliminar
  8. Que espetáculo Susana...! Até me fugiu o piu...!:)
    Adorei, é uma receita soberba, ficou um espanto! Vai comigo para experimentar! Só não sei se encontro a alheira de bacalhau, nunca tinha ouvido falar, compra-se em supermercado ou é especialidade dos Açores?
    Beijinhos:)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Alice, deves encontrar a alheira de bacalhau nos Hiper Mercados do Continente foi lá que encontrei. Aliás já não é a primeira vez que faço e gostámos muito :)

      Obrigada pelas palavras.

      Beijinhos

      Eliminar
  9. ficou super bom com aspceto maravilhoso adorei bjs

    ResponderEliminar
  10. Como sabes, adoro cavala, esse peixe tão mal-amado. E gosto dela recheada. Com alheira de bacalhau e esse queijo-creme deve ficar muito bem. As fotografias estão lindas. Adorei as flores e o pormenor dos lacinhos com o fio de cozinha. Um mimo. Nota-se que foi tudo feito com carinho :) E com os produtos da nossa horta as nossas receitas ainda sabem melhor :)
    Um beijo e até amanhã.
    P.S.: O meu pai já plantou as alfaces que me deste. Obrigada ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ilídia obrigada pelas palavras sinceras, sei disso :)
      Quanto às alfaces desejo que crescem muito e que faças imensas saladas com elas, pois são deliciosas. Todos os dias tenho comido, adoro :)

      Beijinhos e até amanhã.

      Eliminar
  11. Até me babei, porque imagino só o sabor que resultou daí :)...
    um beijo e festinhas no peludo :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Xana :) e já estou fazendo festinhas ao meu pedudinho que está deitado aqui ao meu lado no sofá ;) É muito fino o bichano :)

      Beijinhos

      Eliminar
  12. A isto eu chamo inspiração :) e muita. Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Minha querida, posso me gabar disso :) E ainda bem que o resultado foi positivo! Imagina se não tivesse dado certo... uma devastação completa :)O que vale é que tenho bons críticos cá em casa ;)

      Beijinhos

      Eliminar
  13. Nunca provei tal prato, fiquei muito curiosa:)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tixa, é uma refeição deliciosa... tens de experimentar :)

      Beijinhos

      Eliminar
  14. Excelente receita Susana, imaginei o sabor desse prato:)
    Já uma vez cobicei o tamanho de umas cavalas que vi no blogue da Ilídia, por aqui não encontro tão grandes.
    Parabéns pela receita e pelas flores, tão bonitas:)
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Duxa, nós por cá temos o privilégio de saborear cavalas grandes. Isto de viver numa ilha tem as suas vantagens ;)

      Obrigada e beijinhos

      Eliminar

A sua opinião é importante, por isso não a deixe de partilhar :)