segunda-feira, 11 de março de 2013

Couve flor gratinada


Revolta-me profundamente quando ouço ou vejo na televisão crianças que dizem não gostarem de legumes. Na semana passava (num dia de chuva que não podia fazer a minha caminhada ao ar livre) fui para a minha passadeira enquanto via um programa na MTV de uma adolescente que pretendia perder peso (logo isso é motivo para fazerem uma programa de televisão :) e como não encontrei nada mais interessante não tive outro remédio senão ver. Há coisas que me custa a aceitar e uma delas é o fato de ouvir adolescentes/crianças dizerem que não gostam de comer legumes. Essa miúda era uma delas tinha uma alimentação à base de carnes pré confecionadas e batatas fritas e coisas do género. Mas o que mais me revoltou foi o fato de ela achar que a treinadora não tinha o direito de lhe dizer o que ela deveria comer. Ou seja, comer saudável. Ainda por cima os pais achavam que a treinadora estava a ser dura demais com a sua filha. Bem, estava a ficar com uma neura que só me apetecia sacudir aquela miúda! Os pais eram os principais responsáveis pelo estado de saúde e físico da filha, mas entendiam que ela é que era a vítima. 
São  situações desse tipo que não consigo compreender. A nossa função como pais é educar nossos filhos a comerem de tudo que seja benéfico para a saúde.
Existem muitas formas de inserir legumes na alimentação das crianças. A criança pode dizer que não gosta de couve flor, mas há forma de os fazer comer sem que para isso tenham que desencadear uma guerra. O importante é cativá-los a comer legumes nem que para isso tenhamos que deitar uns pozinhos mágicos.  


Ingredientes:

1 couve flor grande
200 ml de creme de soja
200 ml de leite meio gordo
1 c. de sopa de farinha maisena
1 ovo
Mistura de pimentas moída na hora  q.b.
Noz moscada em pó q.b.
Sal q.b.
200 g de queijo mussarela light

Fiz assim:

Cortei a couve flor em raminhos e deitei a cozer num tacho com água e sal até ficar al dente. Escorri e dispus num pirex de ir ao forno.
À parte, numa tigela misturei os restantes ingredientes e temperei a gosto. Deitei por cima da couve e levei ao forno quente a gratinar durante uns minutos.

Espero que gostem da sugestão.

Beijinhos e um bom início de semana para todos :)


9 comentários:

  1. Concordo plenamente contigo. Os pais são os grandes responsáveis para o bem e para o mal. O meu piolho desde sempre que vê os legumes no prato. E sempre foi comendo e experimentando alguns. Nunca lhe retirei nenhum legume do prato por saber que ele não aprecia. Vão todos para o prato e ele lá vai fazendo a selecção e às tantas lá vai um feijão verde no meio da garfada e assim se vai habituando ao gosto e texturas de vários legumes. Há que tempos que eu não compro couve flor. Vou aproveitar a tua sugestão. Os tomates suspeitos também ficaram na minha mira. Já fiz tomates recheados crús mas assim tenho de experimentar. bjs e boa semana

    ResponderEliminar
  2. A treinadora é que estava a ser dura! É mais fácil culpar os outros!
    E às vezes dizem que não gostam sem provarem! E sim, os culpados são os pais ;)
    Estão com óptimo aspecto estas couves!
    Um beijinho

    ResponderEliminar
  3. Gostei mesmo muito da tua sugestão e do teu texto. Os legumos têm de ser apresentados de forma divertida (eu recorro a purés coloridos) ou de forma camuflada (na sopa triturada). Adorei a sugestão dos teus pozinhos mágicos. Os pais são mesmo os culpados do muito do estado das coisas. A obesidade é exemplo disso. Mais grave é mesmo quando nem os pais sabem dar o exemplo e depois andamos nós a descontar para as bandas gástricas dessa gente. Há que saber comer para saber viver.
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  4. um prato que apreciamos ca em casa.
    beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Divinal! Sabe sempre bem! A sua ficou fantástica!

    Beijinhos doces;

    Aurea Sá

    ResponderEliminar
  6. Gostei bastante da sugestão, e também concordo que quem tem que incutir esses hábitos alimentares são os pais. Certamente que o problema alimentar deveria estar na família, e não apenas na miúda...
    Beijinhos
    http://sudelicia.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  7. Concordo Contigo e acho esta sugestão 5***
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  8. Como eu te compreendo e concordo contigo. A minha filha com 16 anos tem a mania que não gosta de legumes, então cá em casa faço várias receitas com legumas, uns triturados, outros em puré e ela come e nem refila. Temos que saber como os levar.
    Faço muito puré de couve flor, couve flor com cenoura... e ela come.
    E esta sugestão é para eu fazer, gostei muito
    Um beijinho

    ResponderEliminar

A sua opinião é importante, por isso não a deixe de partilhar :)