sexta-feira, 15 de março de 2013

Chutney de beterraba com maçã depois do temporal


Os Açores teem sido fustigados com grandes chuvadas há alguns dias. Ontem foi dia de encerrar as escolas e ficar em casa em segurança, porque havia a possibilidade de derrocadas de terras e árvores. Aqui na zona  onde moro até nem houve grandes prejuízos, a não ser para as hortinhas que ficaram alagadas. Mas para o outro lado da ilha a devastação foi grande. Ribeiras sobrecarregadas que galgaram os caminhos destruindo tudo o quanto apareciam à frente, casas inundadas e famílias desalojadas. Mas o pior mesmo foi na Ilha de São Miguel que houve 3 mortes aluimento de terras que soterraram casas. As imagens que tem passados nos meios de comunicação são impressionantes  Arrepiam. Situações que não podemos evitar. A natureza é que manda.
Hoje no caminho para a escola tive que mudar de trajeto, a rua por onde costumo passar estava bloqueada por uma grande árvore impedindo a circulação de veículos e pessoas. A minha sorte é saio de casa sempre cedo, senão chegaria atrasada ao trabalho. Imprevistos que temos que contar em dias de temporal. Hoje o tempo está a ficar melhor (apesar de estarmos, ainda, em alerta vermelho) a chuva teima em não ir embora, mas espero que essa situação venha a melhorar durante o dia.

E o que fazer quando estamos em casa com muito tempo?! A minha sugestão é para que façam doces, bolos, compotas e chutneys!



Quantidade: cerca de 2 kg

Ingredientes:

1,5 kg de beterraba, descascar, cortar aos pedacinhos
3 cebolas, picadas
3 maçãs, descascadas e raladas
raspa e sumo de 3 laranjas
2 c. de sopa de sementes de mostarda branca, amarela ou pretas
3 bagas de cardamomo
1 c. de sopa de cravo-da-índia, moído
1 estrela de anis
1 pau de canela
1 c. de sopa de mistura de especiarias 
700 ml de vinagre de vinho 
700 g de açúcar amarelo

Faz-se assim:

Numa panela, deitei a beterraba e cobri com água. Deixei cozer em lume brando até conseguir espetar o garfo. Coei (guardando a água para o caso de ser necessária) e misturei bem os restantes os ingredientes. Deixei levantar fervura lentamente e deixei cozinhar em lume brando durante 1 hora, mexendo ocasionalmente, até o chutney engrossar.
Depois de pronto, deixei repousar durante 10 minutos, depois cuidadosamente coloquei em frascos esterilizados, virando os frascos com as tampas para baixo ainda quente para conseguir um vaco natural. 

Pode servi-lo de imediato, mas saberá ainda melhor depois de um mês. Pode armazená-lo durante 6 meses em local fresco e escuro. Depois de aberto, guardar no frigorífico e consumir no espaço de 2 meses.


Fonte: daqui

Espero que gostem da sugestão.

Beijinhos e um resto de boa semana para todos.


12 comentários:

  1. Pois, inverno difícil, este. Como deves calcular, por aqui as coisas não estão fáceis. Na aula das oito, tive 5 alunos. Os outros ficaram em casa, pois o autocarro não pode passar no Porto Judeu para os trazer. Quanto aos restantes, muitas histórias para contar, muitos desabafos...
    Ontem, também usei a cozinha como escape.
    Lindo chutney! E deve ser saborosíssimo!

    Um beijo,
    Ilídia

    ResponderEliminar
  2. Tem sido horas de muita aflição e tristeza, essas mortes deram-se a 10 minutos de onde moro, mas contra a força da natureza infelizmente nós humanos não podemos fazer nada!!!
    O teu Chutney ficou lindo concerteza que é bem saboroso
    Beijinhos =)

    ResponderEliminar
  3. tenho acompanhado as notícias dos Açores e sei que a situação por aí não tem estado nada boa.
    espero que melhore depressa e que não haja mais tragédias.
    beijocas

    ResponderEliminar
  4. Não conhecia este chutney mas deve ficar ótimo com carne grelhada!!!
    Belo aspecto!!
    Bjoka
    Rita

    ResponderEliminar
  5. Adoro chutney e adoro beterraba, portanto esta receita tem a minha cara! :-) Boa sorte aí nos Açores, que tudo se resolva!

    ResponderEliminar
  6. Fogo!!! Fico mesmo com o coração pequenino quando vejo as pessoas a sofrerem.. o mau tempo tem mesmo fustigado as ilhas :( desejo que tudo se recomponha rapidamente..
    Quanto ao chutney deve ser ma verdadeira delicia, principalmente para mim pois adoro beterraba..
    bjus
    Cila

    ResponderEliminar
  7. Espero que já esteja tudo mais calmo por ai, que grande temporal.
    Uma bela sugestão a tua
    Um beijinho e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  8. Acabei de colocar o link para esta receita na página de Facebook do Cozinhar sem lactose. :-)

    ResponderEliminar
  9. Esse chutney cheira-me a coisa boa :)
    Ficou lindo na cor e na textura.
    Espero que esteja tudo mais calmo, depois da tempestade.
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  10. Este ano, o tempo não poupou nada... Que tudo esteja bem, agora. :)

    E que bela forma de passar o tempo, na cozinha.
    Delicioso chutney.

    Jota
    http://searchncook.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  11. Depois da tempestade vem a bonança! E que belo docinho :)

    ResponderEliminar

A sua opinião é importante, por isso não a deixe de partilhar :)