terça-feira, 22 de outubro de 2013

Carne de porco à italiana assada lentamente


Com a chegada do tempo fresco vai apetecendo acender o forno da cozinha. Cozinhar com a cozinha quente e com aromas de especiarias no ar é um conforto. Foi o que aconteceu com essa carne que assou lentamente, prolongando assim o meu bem estar. Mais uma vez abri o livro do Gordon para me inspirar e o resultado foi delicioso. Espero que apreciem a sugestão :). 


Ingredientes:

600 g de costela de porco à Italiana
1 c. de chá de mostarda à antiga
1 c. de chá de pimentão doce em pó
1 c. de sopa de mel de cana - melaço
1 c. de sopa de molho de soja - soyo
1 c. de sopa de flor de sal com especiarias da casa do sal
200 ml de vinho branco
2 cabeças de alho inteiras sem a pele branca
1 malagueta vermelha - do meu quintal
1 c. de sopa de tomatada
5 cm de gengibre descascado e ralado
1 folha de louro
1 c. de chá de banha de porco
Açúcar amarelo para polvilhar

Fiz assim:

Deitei a carne numa assadeira e juntei as cabeças de alho, reservei.
Numa tigela juntei todos os ingredientes e misturei.
Esfreguei a carne com essa mistura por ambos os lados.
Polvilhei com o açucar e levei ao forno quente a 150ºC durante duas horas.
Fui verificando e cobrindo a carne com o próprio molho.
Quando tomou a cor pretendida tapei com uma folha de alumínio até ficar bem sucolente.
Servi com couve (da minha horta) cozida salteada em azeite e alho, massa cozida e  chutney de beterraba com maçã.


Obrigada pela visita e voltem sempre ;)

Beijinhos



8 comentários:

  1. Essa carne ficou fantástica, tem um aspecto ...de babar
    bjs

    ResponderEliminar
  2. Que belo aspecto!
    Beijinhos,
    http://sudelicia.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  3. Esta foi já para os favoritos! :) Que maravilha.
    Muito bom!
    Obrigado.

    ResponderEliminar
  4. Mi tipo de carne !sabor y textura de este plato hermoso y colorido,abrazos.

    ResponderEliminar
  5. Que cor tão bonita e que aspeto delicioso!!
    Bjn
    Márcia

    ResponderEliminar

A sua opinião é importante, por isso não a deixe de partilhar :)